O futuro sexual dos betas e alfas

 É nítido que vivemos em uma época de total desvalorização do homem e engrandecimento da mulher ( não sei pelo quê), tendo isso em mente me lembro das histórias que meu avô contava, que ia pros bailes na cidadezinha dele e sempre namorava, quem já foi em cidade pequena sabe que tem muita garota gostosa lá, mal cuidada mas bonita e gostosa, quando meu avô conta isso me vem a mente como antigamente era fácil pra qualquer beta, até mesmo os da roça em conseguir passar o rodo nas mulheres, mas devemos nos atentar que os valores se inverteram, o homem passou de venerado pra um completo estranho num mundo que ele próprio criou, é como se o homem fosse um intruso no mundo em que o próprio ergueu.



A população masculina mundial se tornou um intruso, criou um mundo e quando ele ficou pronto as mulheres tomaram conta, tal qual um otário constrói um patrimônio sozinho e depois vem uma espertinha e pega metade, mas diferente desse caso as mulheres querem tomar o mundo inteiro pra elas, já ficou mais do que claro que toda mulher tem nojo de homens betas e pobres, mas algo tem me chamado a atenção: a quantidade de sugar daddys apenas no Brasil, reparem bem, o Brasil um país completamente aberto a prostituição que logo virará profissão legalizada, a quantidade de homens de todas as idades dispostos a gastar 5, 10 ou até 30 mil por mês para desfrutar da "companhia" de uma única mulher ou como eles chamam sugar baby, agora eu te pergunto, qual lugar terá o beta e o suposto alfa nessa história? Eu te digo pouca ou nenhuma, um alfa físico real nota 9 só servirá para sexo casual pra matar a vontade das "babies" de sexo de qualidade mas quando os mesmos alfas físicos forem procriar terão de se sujeitar às medianas ( ou nem isso ) ou as famosas FGVs colocando assim mais betas e FGVs no mundo.

Por outro lado o beta que já tem uma vida desgraçada no quesito sexual e quase sempre financeiro será obrigado a procriar com FGVs e colocarão verdadeiras aberrações no mundo. E porque eu falo que não sobrará medianas pros alfas físicos? Porque simplesmente uma mediana arrumada fica parecendo top, muitas serão bancadas por senhores de posses.

Um sentimento universal que permeia a humanidade é a inveja, essa busca incessante da mulher por "empoderamento" começa a tocar nas mulheres em âmbito mundial, todo mundo tem acesso a Instagram, Facebook, whatsapp, a roceira ou qualquer outra vai lá, vê a vida fake da urbana e logo quer também, vejam a quantidade de mulheres fitness por conta do Instagram? a roceira que antes se satisfazia em morar numa casinha simples na roça com um peão hoje em dia não quer, quer sair da cidadezinha do interior, ou seja o beta pobre do interior está batendo punheta a rodo, ela chega na cidade e consegue um classe média, começa a se arrumar, vê que é desejada arruma um playboy, quando a mulher é do interior mas é top, ou ela casa com um fazendeiro ou vem pra cidade virar puta de luxo cobrando 400 a hora ou vem e logo arruma um milionário.




                            É betas, vão ficar só olhando

Uma amostra disso já está acontecendo, GPs estão inflando os preços como se todo mundo recebesse 5 mil líquidos de salário por mês, no sábado comi uma mediana e sabe quanto me cobrou por uma mísera hora? 250 reais, o sexo foi bom, ela sabe fazer direito mas acho que um valor justo bela beleza da mulher seria uns 120 ou 150 reais, eu lembro que no ano passado eu comi uma do mesmo naipe por 150, agora me digam como um trabalhador comum como os que seguem nossos blogs vai conseguir ao menos gozar 2 vezes por mês pra não enlouquecer? Eu ao menos namoro, indo uma vez por mês pra mim variar já está bom mas e o beta de 20 anos com hormônios borbulhando, tocando 2 punhetas por dia, como vai comer só uma puta por mês e ficar satisfeito? E o pior que depois elas ainda reclamam pelo homem viver doido por sexo, é por causa disso aí, a escassez é muito grande, muitos betas pobres acabam indo comer putas do trintão ( acho que nem existe mais de 30 reais ) velhas, banguelas, doentes, fedidas...credo!!!

Afinal, se foi nós que construímos o mundo porque estamos comendo os farelos???


Comentários

  1. As redes sociais e app de relacionamentos ferrou tudo, lembro que lá por volta de 2010 até 2014 ainda era suave sair com mulheres, de 2017 para cá que piorou e esta cada vez pior, é muito gado dando em cima de qualquer uma, qualquer mediana/feia se acha a deusa.

    E a tendencia é piorar cada vez mais, o futuro será terrvivel para o homem médio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, mas a análise do pica pau ainda é descabida.

      Excluir
    2. 23:41 E só tende a piorar, conforme o tempo passa os homens em geral ficam mais oprimidos e consequentemente os betas que já tinham vidas podres, passarão a viver praticamente no inferno.

      07:04 Diga onde estou errado, FA.

      Excluir
    3. A premissa é verdadeira, mas a conclusão foi exagerada. Há muitos microuniversos de baixo nível social para se jogar.

      Aproveitando, resposta ao 09:43

      "Se tu namora, te chamam de fracassado"

      Pelo contrário, se tu for visto com mulher, você passa a ser respeitado pelos caras e pelas outras mulheres. Patético, mas é real.

      Excluir
    4. Fala FA, blz cara? Como que tão as coisas? Como é que tá no curso de medicina? Vi que vc parou de comentar lá no PD...

      Excluir
  2. Eu tento chegar em garotas pelo instagram, fico pensando que vários outros devem fazer o mesmo e no fim fica tudo inflado.

    Tenho um perfil pra chegar, a garota precisa ter de 18 a 20 anos. Acredito que mulheres mais velhas são mais difíceis devido o tanto de caras que já chegaram nelas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu caí uma vez na conta de uma senhora de uns 57 anos que posta fotos de biquínis e tem pelo menos uns 30, 40 comentários de betas e ômegas de todas as idades elogiando e ela nem responde.

      Excluir
  3. "já ficou mais do que claro que toda mulher tem nojo de homens betas e pobres".
    Posso dizer o mesmo, ao contrário: Já ficou mais do que claro que todo homem tem nojo de mulheres betas e pobres. Ou vai me dizer que você pegaria uma gorda, fedida e pobre? Você vai me dizer que pegaria essa "belezura" e levaria para casa?
    Não né?
    Cada um joga com as armas que tem.
    A mulher usa a beleza (quando tem), o homem usa o money (quando tem).
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Rapaz, eu tenho 25 e ainda nem beijei. Isso que acontece quando a gente não vai atrás de mulher. Ai quando vamos atrás, caras que se intitulam Mgtow nos chamam de escravoceta.

    Se tu come prostituta, te chamam de fracassado. Se tu namora, te chamam de fracassado. Se tenta chegar em mulher, é escravoceta.

    Fica difícil assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que se importar com o que os outros falam?.. Nunca beijou? (Falando sério) procure um psicólogo, isso aí não é normal

      Excluir
  5. Não scant, não e tão simples assim, não nos dias de hj. As configurações do mundo atual mudam muito rápido e sempre em desfavor dos betas, quem for esperto de verdade começa a se adaptar a solitude a partir de hj pois analisando o contexto atual daqui pra frente é só ladeira abaixo!

    Tiozão de Cuiabá.

    ResponderExcluir
  6. Psicólogo urgentemente!

    ResponderExcluir
  7. O motivo do PD estar moderando e apagando os comentários é que o blog dele foi tema de umas feministas esquerdopatas.
    As sapatas deram uma enrabada no pinguço, e o cara se borrou todo de medo.
    Dêem uma olhada nesse link:
    https://revistas2.uepg.br/index.php/rlagg/article/view/13365/209209212874

    ResponderExcluir
  8. Refugio Beta excluiu os posts, que merda. Falou que ia tratar de PPS nos proximo post e nem fez.

    PD pinguço atrasa post. Realmente precisamos de novos redutos. O blog do PicaPau por enquanto é o melhor, temos que admitir. Pelo menos é o melhor para betas em evolução, seguido do desenvolvimentoeetc. Era bom quando tinha o blog do Kraft, do FA, e do Roger da Cidadezinha.

    ResponderExcluir
  9. Pinguço postou e falou que vai fechar o blog, hora do pica pau assumir a liderança dos betas!

    ResponderExcluir
  10. E ouso dizer mais: com a popularização dos sites de cam girls, muitas GPs que antes faziam programa hoje só ficam em casa se exibindo pra um monte de beta na internet, sem precisar fazer sexo, e ganhando mais dinheiro até. O que só encarece o custo das GPs que continuarem no mercado de trabalho devido à diminuição da oferta. Resultado: o custo da brincadeira fora de casa vai encarecer até mesmo pra quem tem grana pra bancar essa vida mundana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior que é verdade, além disso tem as mina que nem são GPs mas vendem o conteúdo delas nuas, isso também vai zoar esse mercado

      Excluir
  11. Tem uma coisa que acho que vai mudar o mercado digamos, são as bonecas/robos sexuais, as famosas Dolls ou Real Dolls, pessoal depois pesquisem isso, vai mudar o mercado sexual com certeza. lembrando que as sociedades precisam de pessoas para procriar e manter culturas e povos, com a chegada dessas Real Dolls, e a desvalorização dos homens e as leis que estão acabando com a gente, a tendência é muitos recorrem a essa saida, que de certa forma daqui a alguns anos será mais realista do que já é hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Negativo. A necessidade não é apenas de sexo, mas de ser admirado e ter valor perante a sociedade. Nesse sentido, ser visto acompanhado de mulheres ainda vai capitalizar demais.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. - Mas uma robô ou Ciborgue pode dar amor e afeto também.

      - Então a necessidade dos betas ( nesse sentido ) vão ser totalmente supridas.

      - Nesse cenário, o poderio das mulheres caíria totalmente. As vezes tenho a impressão de que essa inflação do mercado sexual foi feita propositalmente para lançarem as bonecas ( e posteriormente as Ciborgues) pros homens ( que são betas e não conseguem ninguém).

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Vire um camaleão social

Porque o trabalhador no Brasil é visto como otário?

O Brasil só é ruim pra quem é pobre